• Analice Fernandes tem parecer favorável ao teste de oximetria em recém-nascido

    Analice Fernandes dá parecer favorável ao teste de oximetria em recém-nascido

    O projeto de lei que torna obrigatório o exame de oximetria de pulso em todos os recém-nascidos nos berçários do estado de São Paulo foi aprovado pelos deputados na comissão de Saúde no dia 15 de maio. O exame é indolor e mede os níveis de oxigênio no sangue do bebê e pode detectar algum problema cardíaco.

    Segundo o projeto, o exame de oximetria de pulso deverá integrar a lista de exames obrigatórios a serem realizados ainda no berçário após as primeiras 24 horas de vida do recém-nascido.

    Analice Fernandes tem parecer favorável ao teste de oximetria em recém-nascido

    Na mesma pauta foram aprovados ainda pelos parlamentares, o projeto que propõe a obrigatoriedade da apresentação de carteira de vacinação pelos beneficiários de programas estaduais de atendimento a pessoas vulneráveis socialmente, o projeto de lei que proíbe a comercialização de canetas com ponteiras a laser e também a proposta de instituir o Dia da Conscientização sobre doenças raras.

    Ao final dos trabalhos, duas servidoras do Iamspe que buscavam apoio da comissão, gostariam de se manifestar, mas por decisão dos parlamentares vão comparecer em uma próxima reunião. Já a deputada Analice Fernandes manifestou-se optando em receber pessoalmente em seu gabinete os funcionários do Iamspe ali presentes, para demonstrar seu total apoio.

Mais | Saúde e Enfermagem | Todas Cidades | NOTÍCIAS