• Começam as obras na escola Lucia de Castro

    Começam as obras na EE Lucia de Castro Bueno

    Deputada Analice e Fernando Fernandes acompanham início das obras

    As obras para a reforma da quadra e do anfiteatro iniciaram na EE Lucia de Castro Bueno, no Pq. Pinheiros, depois de uma longa espera da comunidade escolar. A quadra coberta havia sido interditada por técnicos do FDE – Fundação para o Desenvolvimento do Ensino – porque existia risco de desabamento da cobertura.

    “ Estávamos esperando por esta reforma ansiosos”, disse a diretora da escola Silvia Américo.

    A deputada Analice Fernandes e o ex-prefeito de Taboão Fernando foram acompanhar o início das obras, que contou com a presença do responsável técnico pelas escolas da região metropolitana, Décio Tabah, o engenheiro do FDE, Mário Hilsenrath e a dirigente de ensino, Maria das Mercês.
     Segundo Décio, inicia agora a demolição da estrutura existente. “A deputada Analice discutiu com o nosso presidente o caso exclusivo do Lúcia de Castro, o que acabou provocando um atendimento mais rápido”, explicou.

    O ex-diretor da EE Lucia de Castro, professor Camilo, esteve presente em companhia da comunidade escolar. “Fico muito feliz em saber que as obras irão começar. Quero agradecer também a deputada”, afirmou o professor, que contou sobre a construção da quadra feita com recursos e organização da APM – Associação de Pais e Mestres.

    Começam as obras na escola Lucia de Castro

    Analice Fernandes afirmou que a quadra ficou muito tempo interditada. “Estamos trabalhando para esta reforma há algum tempo, e já era hora das obras iniciarem. Quero agradecer ao presidente do FDE, Dr. Ortiz, que intercedeu em favor da escola”, disse Analice.

    “Esta escola é uma referência para Taboão. A gestão do professor Camilo fez a diferença na qualidade de ensino, e hoje toda comunidade colhe estes frutos”, afirmou Fernando.

    As obras estão divididas em duas partes. A primeira orçada em R$ 103 mil irá fazer a demolição de parte da estrutura, retirada da cobertura, e conserto do telhado do anfiteatro. A segunda parte inclui a nova cobertura da quadra, orçada inicialmente em R$ 540.000,00.

    Galeria de Fotos
    [flickr set=72157628499941127]

Mais | Notícias | Todas Cidades | NOTÍCIAS