• Nova diretora da ARSESP, Silvia Maria Calou

    Comissão de infraestrutura aprova nome para ocupar a diretoria da ARSESP

    Indicada pelo governador do Estado, Geraldo Alckmin e pelo secretário estadual de Energia, José Anibal, para ocupar a diretoria da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (Arsesp), Silvia Maria Calou foi considerada apta para ocupar o cargo, após ser arguida em reunião extraordinária, dia 24 de agosto, pela Comissão de Infraestrutura. 

    Ela atribuiu o motivo de sua indicação à sua formação acadêmica (é economista, mestre em política energética pela Universidade de Surrey/Inglaterra) e pelo tempo que milita na área, há 18 anos. 

    Nova diretora da ARSESP, Silvia Maria Calou

    Segundo a nova diretora, a principal atribuição da Arsesp é proteger o interesse do consumidor. Questionada, explicou que, no caso do fornecimento de gás, o Estado é concedente dos serviços e os fornecedores são as concessionárias que preencherem os requisitos. O fornecimento de gás é realizado pela Congás. 

    A função da agência, esclareceu, inclui a fiscalização, a análise da metodologia e condições do trabalho, assim como o cumprimento das metas estabelecidas para garantir a prestação de serviço adequado para proporcionar uma boa qualidade de vida aos consumidores. 

    De acordo com sua explanação, as concessionárias deverão ainda estar em dia com atualização técnica. Os requisitos que serão examinados na análise da qualidade oferecida ao consumidor incluem regularidade e continuidade do atendimento, eficiência e segurança proporcionada aos consumidores além de um atendimento cordial ao cliente. Seu principal desafio é incentivar o atendimento das áreas atualmente cobertas, sem onerar o consumidor.

    Esta observação deve-se à necessidade de pesados investimentos para a ampliação da canalização com o objetivo de melhorar o atendimento aos consumidores. 
     

Mais | Notícias | Todas Cidades | NOTÍCIAS