• Comissão debate paralisação do atendimento no CRIA

    Comissão debate paralisação do atendimento no CRIA

    A Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa reuniu-se nesta terça-feira, dia 04 de dezembro. Além da pauta de votação, alguns dos problemas por que passa o setor de saúde no Estado foram tema da reunião.

    O fechamento iminente do Centro de Referência da Infância e Adolescência (Cria), ligado à Unifesp, motivado pelo corte de verbas da Secretaria da Saúde, foi um dos problemas levantados. Segundo a faonoaudióloga Juliana Mori, o Cria atende, de forma interdisciplinar, cerca de 250 crianças e adolescentes com diversos tipos de transtornos mentais.

    Após debate entre os deputados Analice Fernandes ( PSDB), Edinho Silva e Telma de Souza (ambos do PT), Heroilma Soares Tavares (PTB), Ulysses Tassinari (PV) e Luiz Carlos Gondim (PPS), decidiu-se pela realização de uma audiência pública sobre o fechamento do Cria, com a presença de representante da área de saúde mental da Secretaria da Saúde e do setor de direitos da criança e do adolescente do Ministério Público.

    Comissão debate paralisação do atendimento no CRIA

    Foi decidido também enviar ofício à Secretaria da Saúde e fazer gestões junto ao relator do Orçamento do Estado para 2013, deputado Cauê Macris, para que acolha emenda beneficiando o Cria.

    Aumento da Tabela SUS

    Foi transmitido também a Comissão apelo da Santa Casa de Barretos que, além de ser o único pronto-socorro 24 horas da região, atende pacientes com seqüelas de radioterapia. Por conta da defasagem da tabela do SUS, o hospital acumula prejuízo mensal de R$ 400 mil. Assim, pede ajuda orçamentária aos deputados, para que também possa abrir dez leitos de UTI para atender sua demanda.

    A falta de um serviço de radioterapia de Mogi das Cruzes foi outra demanda trazida por Gondim. Apesar da urgência, os aparelhos não foram licenciados, levando a população da região do Alto Tietê a vir à capital para atendimento.

    A Comissão de Saúde ainda deliberou sobre pauta de 23 itens. Também foi acolhido requerimento do deputado Carlão Pignatari (PSDB) dando ciência à comissão e pedindo encaminhamento ao ministro da Saúde da Carta de Votuporanga, resultado do encontro do movimento Tabela SUS, Reajuste Já, realizado no dia 26 de novembro.

Mais | Saúde e Enfermagem | Todas Cidades | NOTÍCIAS