• ETEC Taboão inicia atividades com 160 alunos

    Deputada Analice Fernandes, prefeito de Taboão Fernando Fernandes e vereadores acompanham o início do funcionamento das aulas da ETEC em Taboão.

    Iniciaram as aulas do primeiro período da ETEC Taboão da Serra, com 80 alunos cursando o ensino Médio Integrado, e 80 alunos cursando o Técnico em Informática. A ETEC é uma escola do Governo do Estado, gerenciada pelo Instituto Paula Souza, que oferece ensino técnico público e gratuito.

    Trazer a ETEC para Taboão era uma das bandeiras da deputada Analice Fernandes. “Nós iniciamos esta luta há mais de 10 anos, só não conseguimos sucesso antes, porque não tivemos uma parceria efetiva com o governo local. Levamos a ETEC para Embu das Artes naquela época, e agora, a ETEC é uma realidade para Taboão”, disse Analice.

    A diretora Lívia Martins Arruda, que hoje responde pelas duas unidades tanto de Taboão, quanto de Embu, falou sobre o planejamento para o início das aulas com qualidade. “São 20 alunos por aula, com uma atenção na competência de cada um”, explicou.

    Em 2017, os alunos da ETEC de Embu das Artes, ficaram em 13º lugar, entre as escolas públicas urbanas do Estado de São Paulo. O objetivo é trazer esta mesma competência para a ETEC da Taboão.

    Vinicius Miekusz, que será em breve nomeado como diretor, da ETEC de Taboão, explicou que nos próximos semestres, possivelmente novos cursos serão implantados. Segundo ele, o objetivo é que a escola esteja funcionando perfeitamente, dentro dos padrões de qualidade do Centro Paula Souza, para que seja garantido a qualidade do ensino. “Os alunos que iniciam com a gente são bem preparados e sabem o que querem”, afirmou Vinícius.

    A ETEC vai transformar a vida de centenas de jovens, e também melhora a nossa sociedade”, afirma a deputada Analice.

    Fernando Fernandes agora quer ampliação da ETEC e uma FATEC para Taboão

    O prefeito Fernando Fernandes disse que a parceria com o Governo do Estado tem que seguir em frente. “Precisamos agora lutar para a conclusão da segunda fase da ETEC e também trazer uma FATEC para Taboão da Serra”, disse o prefeito, que avaliou como muito boas tanto a construção, como as instalações técnicas da Escola.

    Acho que esta é seguramente a Escola mais bonita da cidade, entre as públicas e particulares”, afirmou.

    Acompanharam o prefeito na visita à ETEC, o vice-prefeito, Laércio Lopes, a presidente da Câmara, Joice Silva e os vereadores Paulinho, Onishi, Rita da Saúde, Érica, Priscila, Eduardo Nóbrega, Cido da Yafarma, André da Sorriso e Alex Bodinho e o vice-prefeito Laércio Lopes.

    Fernando Fernandes afirmou que independentemente da sigla partidária, a classe política tem que se unir para que projetos como a ETEC venham para a cidade.

    Fernando Fernandes fala sobre a união da classe política para que Taboão consiga investimentos, como a ETEC.

    ETEC atrai alunos da rede pública e privada

    Quem conversar com a primeira turma de alunos da ETEC Taboão vai perceber que não falta empolgação. As aulas de programação, a qualidade dos professores, a estrutura física do prédio, os novos amigos, e até um pé de goiaba no horário do intervalo, fazem os olhos dos meninos e meninas brilhar. Estudantes ávidos por aprender e descobrir o mundo.

    Eles são provenientes de escolas públicas e privadas de Taboão da Serra e região e estão orgulhosos com a nova etapa em suas vidas.

    Afinal para estarem ali, tiveram que ser os melhores. O vestibulinho para a ETEC Taboão, obteve 6 candidatos por vaga.

    A ETEC Taboão, que oferece os cursos de ensino Médio Integrado e Informática (com ênfase em programação), vem suprir uma demanda por ensino técnico na cidade.

    Jovens matriculados na ETEC foram aprovados em vestibulinho.

    Estrutura da Escola

    A ETEC conta com uma área de 7.260 metros quadrados. Foram investidos R$ 8 milhões 645 mil, provenientes do Governo do Estado de São Paulo. Com uma quadra oficial poliesportiva no quarto andar, o primeiro bloco conta com 9 salas de aula, 3 laboratórios, cozinha, refeitório, banheiros, salas para administração, recepção, elevadores e pátio de convivência.

    A parte estrutural do segundo bloco foi concluída, porém para o término da segunda etapa será necessária a realização de uma nova licitação. No segundo prédio estão previstos os laboratórios para os cursos de Automação Industrial e Química, porém este planejamento passa por reavaliações periódicas.

    Os cursos técnicos são fundamentais para a preparação dos estudantes que desejam ingressar no mercado de trabalho de forma mais rápida e com qualificação. Os alunos que concluem os cursos nas ETECs têm alto potencial de empregabilidade. O curso técnico tem duração de 1 e meio, e pode ser feito depois do ensino médio concluído ou concomitantemente, a partir do segundo ano médio.

    Estrutura física também é atrativo para os alunos.

Mais | Notícias | Todas Cidades | NOTÍCIAS