• PL 706/2011 – Dá denominação de “Prof. Marlene Aparecida Maia Olberg” a Escola Estadual do Jardim Santo Eduardo III, localizada no município de Embu das Artes

    PROJETO DE LEI Nº 706, DE 2011

     

    Dá denominação de “Prof. Marlene Aparecida Maia Olberg” a Escola Estadual do Jardim Santo Eduardo III, localizada no município de Embu das Artes.

     

    A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE SÃO PAULO DECRETA:

     

    Artigo 1º –Passa a denominar-se “Profª. Marlene Aparecida Maia Olberg” a Escola Estadual do Jardim anto Eduardo III, localizada no município de Embu das Artes.

     

    Artigo 2º – Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.

     

    JUSTIFICATIVA

     

    A homenageada Professora Marlene Aparecida Maia Olberg,  nasceu no município de São Paulo, todavia foi no município de Embu que atuou de forma brilhante de 1988 a 2010, lecionando e dedicando-se ao desenvolvimento da Educação na rede pública estadual localizada na municipalidade.

    A Professora Marlene Aparecida graduou-se em Estudos Sociais, com licenciatura plena em Geografia, ingressou na rede estadual de ensino na EE.    Irmã Iria Kunz, sendo que em 25 de maio de 1988, passou a exercer a função de professor II em caráter excepcional. Já em 1992 foi elevada ao cargo de Professor III.

    Em 2005, foi efetivada com o cargo de PEB-II de Geografia, na Escola Estadual Tadakiyo Sakay, removendo-se, posteriormente, para a Escola Estadual Irmã Iria Kunz. Nessa escola exerceu a maior parte de sua vida profissional na área de educação, como professora de Geografia, e como vice-diretora. Faleceu em 27 de junho de 2001, acometida de grave doença.

    Dedicou-se unicamente à construção forte dos alicerces de sua família da qual contou com indistinto apoio, o que consagrou sua preparação para alcançar sua vitória na busca de aperfeiçoamento e dedicar seus propósitos a tão nobre profissão de educadora.

    Conquistou não só seu conhecimento, mas tornou-se conhecida por sua benevolência e qualidade impar em educar, respeitando seu próximo e sempre procurando incutir em seus alunos e companheiros de jornada, entusiasmo em dividir com todos, as suas conquistas.

     

    Por seus valorosos préstimos dedicados à família e a profissão de educadora para sua comunidade que jamais a abandonou, tem-se justificada a presente propositura, fazendo-se por meio deste uma homenagem justa a quem demonstrou a todos que buscar um sonho não é impossível, para isso basta sonhar.

    Desta forma conclamo os nobres pares no sentido de conferir apoio à aprovação do Projeto de Lei em epígrafe, por tratar-se da mais clara e sincera forma de homenagem à Profª Marlene Aparecida Maia Olberg.

     

    Sala das Sessões, em 2/8/2011

     

    a) Analice Fernandes – PSDB

Mais | Projetos de Lei | PROPOSITURAS